A nossa História Centenária

Desde 1914  

A visão pioneira de Venâncio da Costa Lima O fundador desta adega, Venâncio da Costa Lima, nasceu em 1892 na Quinta do Anjo,
terra de bom queijo, bom pão e bom vinho.

Criado numa casa agrícola, aí se estabeleceu em 1914 no comércio de vinho, azeite e cereais. Mas a sua visão levou-o mais longe: decidido a levar os seus vinhos a
mais apreciadores percorreu o país, estabelecendo relações duradouras com clientes fiéis.

Assim se tornou na década dos anos 30 um dos maiores produtores, estimado e respeitado na região.

Quatro gerações unidas pelo sabor
Sem filhos, Venâncio da Costa Lima legou a adega aos seus seis sobrinhos em 1956.
Unidos pela sua visão, a família manteve o seu legado, trabalhando todos os dias para manter uma relação próxima e duradoura com mais apreciadores.

Em 2011 foi reconhecida como produtora do "Melhor Moscatel do Mundo” e em 2014 celebrou o centenário com uma adega renovada, com capacidade para produzir
anualmente 3 milhões de litros de vinhos.

Hoje, passadas quatro gerações, são muitos os que confiam na Venâncio da Costa Lima para levar até si o vinho de qualidade, adequado a cada momento.


Vinhos feitos para reunir amigos, famílias e memórias

Na Venâncio da Costa Lima levamos até si uma gama de vinhos versátil, feita para acompanhar cada momento da vida.

Desde o simples vinho de mesa até aos Vinhos Certificados Regional Península de Setúbal e DO Palmela e Premium, das melhores castas da região.